“Construindo um País… O Além Tejo na Idade Média Portuguesa”

21/04/2021

Nova exposição, no Museu do Sembrano, em Beja, inaugura dia 22 de abril, às 19h00, num abordagem ao período compreendido entre os alvores da nacionalidade e o séc. XV.
“Construindo um País… O Além Tejo na Idade Média Portuguesa” é a nova exposição, resultado de mais um contributo das intervenções arqueológicas promovidas pela EDIA no âmbito do Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva.
Aberto de terça-feira a domingo, das 09h30 às 12h00 e das 14h00 às 18h00.

“Entre Mouros e Cristãos” | Conferência por Claúdio Torres
Às 19:30h, meia hora depois da inauguração da nova exposição, terá lugar no mesmo espaço, uma conferência sob o tema “Entre Mouros e Cristãos” integrada no ciclo de conferências “Sob a Terra e as águas, porque há sempre novas histórias para contar”, promovida pela EDIA em parceria com a Câmara Municipal de Beja e Direção Regional de Cultura do Alentejo e com o apoio da Associação para a Defesa do Património Cultural da Região de Beja.
O fenómeno da arabização, e mais tarde da islamização, é um processo que se estende por vários séculos, à medida que se estreitam as relações económicas e culturais com o Oriente mediterrânico, sobre tudo com a Tunísia, Egipto e Pérsia. O extremar das posições religiosas e políticas coincide, em finais do século XI, com o expansionismo do cristianismo romano a partir do norte da Península e com as invasões almorávida e almóada que por sua vez, introduziram na Península Ibérica um Islão mais ortodoxo.
A conferência é de entrada livre, mas de lotação condicionada às regras da Direção Geral de Saúde. A palestra está a cargo do Arqueólogo Dr, Claúdio Torres, fundador e diretor do Campo Arqueológico de Mértola, Doutor “Honoris Causa” pela Universidade de Évora e representante de Portugal no Comité Mundial do Património da UNESCO.