Gestão de Infraestruturas

 

O Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva (EFMA), com uma área aproximada de 120 000 hectares de regadio, constitui um elevado potencial de desenvolvimento agrícola não só para a Região, mas também a nível nacional, uma vez que duplica a área pública de regadio em Portugal.

Os perímetros de rega de Alqueva, apoiados em sistemas de telegestão, garantem à EDIA, a qualquer momento, informação atualizada e oferecem ao agricultor a garantia de água que necessita para a sua exploração.

No terreno, a EDIA dispõe de equipas multidisciplinares que garantem a total operacionalidade do sistema, sendo o contacto com o agricultor feito de uma forma direta, com base numa política de proximidade e procura de soluções que garantam o uso eficiente da água.

À EDIA, para além da gestão, manutenção e conservação da rede primária, foi concessionada a rede secundária do Empreendimento de Alqueva, o que permite gerir as infraestruturas de uma forma integrada e sustentável, mantendo um preço solidário nos diferentes perímetros de rega independente dos diferentes custos de exploração.

Para a persecução destes objetivos foram celebrados os seguintes contratos: 

» Contrato de Concessão relativo à Utilização dos Recursos Hídricos para Captação de Água Destinada à Rega e à Produção de Energia Elétrica

» Contrato de Exploração das Centrais Hidroelétricas de Alqueva e Pedrógão e de Sub-concessão do Domínio Público Hídrico

» Contrato de Concessão Relativo à Gestão, Exploração, Manutenção e Conservação das Infraestruturas da Rede Secundária de Alqueva